Deck de madeira carbonizada e a resistência ao fogo

Deck de madeira carbonizada

As tendências na arquitetura às vezes não giram nas novas ideias, mas também no passado como o uso do deck de madeira carbonizada.

Deck de madeira carbonizada é submetido ao Shou Sugi Ban para ser produzido. Essa é uma antiga técnica arquitetônica japonesa que foi usada para preservar o material, carbonizando a superfície com uma chama quente.

A técnica de madeira carbonizada é conhecida como Yakisugi, realizada na madeira Sugi, que é um cedro japonês. O processo envolvia carbonizar a madeira, resfriar, limpar qualquer fuligem ou detritos queimados na superfície até finalizar com óleo.

Embora você possa considerar o fogo um inimigo da madeira, causando apenas sua degradação, essa técnica aumenta a durabilidade, sendo o meio natural de preservar sem produtos químicos, tintas e outros tratamentos de superfície.

Sucesso no presente e passado

Como uma tendência atual na arquitetura moderna, você pode esperar que a madeira carbonizada seja vista em ambientes externos e internos, usadas até em móveis e decoração.

No entanto, a madeira carbonizada faz sucesso como revestimento externo ou acentos de parede interna. Apesar de ser um método muito antigo de tratamento é flexível o suficiente para ficar deslumbrante em ambientes modernos e rústicos.

Mais durabilidade

De modo histórico, o deck de madeira carbonizada foi muito usado no exterior de edifícios japoneses, em aplicações de design de interiores e exteriores, sendo uma ótima opção para manter casas ou prédios em incêndios.

Quando o fogo é aplicado em tábuas de madeira, o processo de queima cria uma fina camada de carbono na superfície da madeira.

Esta camada de carbono protege a madeira interior da mesma forma que os vernizes ou selantes. Envolve manutenção muito baixa. Resistente a insetos e danos causados ​​​​pela umidade.

Esses benefícios ficam ainda mais aparentes quando a carbonização é usada para aprimorar as tábuas de madeira modificada, mais densas, duráveis ​​e duradouras do que muitos outros tipos e espécies de madeira.

Processos sustentáveis

O processo de carbonização não contribui para a poluição prejudicial. Não há produtos químicos presentes nesse revestimento ao meio ambiente, seguro para casas com crianças.

É um meio sustentável de proteção natural do revestimento externo. Uma vez atingida sua vida útil, pode ser reciclada ou descartada sem a preocupação de prejudicar o meio ambiente, como se pode ter ao descartar madeira tratada.

Ir para um visual arrojado é fácil com preto ou outros tratamentos de superfície em tons escuros, como manchas e tintas.

Dependendo da rota que você seguir, ainda se pode ver alguns dos grãos da madeira subjacentes. No entanto, muitas vezes pintar ou tingir a madeira mascara a beleza do grão natural.

O movimento verde evolui no mundo da arquitetura e do design de edifícios, com cada vez mais pessoas procurando meios naturais e seguros de alcançar a mesma aparência.

A madeira carbonizada permite que você obtenha um belo acabamento escuro para o seu projeto, sem depender de produtos tóxicos que podem ser prejudiciais à saúde das pessoas e ao meio ambiente.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.