Como conservar o deck Cumaru da melhor forma possível?

Para o deck de madeira Cumaru alcançar o máximo da durabilidade é preciso seguir algumas regras práticas de conservação.

Em termos gerais é essencial falar com o instalador do seu deck sobre o plano de iluminação para que o eletricista não precise desinstalar partes da construção mais tarde.

Antes de instalar seu deck Cumaru pense em iluminação de ambiente, segurança e operações funcionais, conforme as demandas do proprietário.

De olho no sol

Você não deve apenas considerar a aparência do deck à noite, mas também de dia, inclusive durante as horas quente. Felizmente, o Cumaru não fica quente ao sol como alguns decks de metal ou compostos.

Mas, encontrar a maneira correta de sombrear um deck Cumaru é essencial. Embora a luz solar forte não danifique a estrutura, ele ainda desbota a cor para cinza prateado do seu vermelho acastanhado original.

Você pode querer pensar em instalar uma pérgola Cumaru sobre uma parte do seu deck ou apostar no uso de um guarda-sol.

A manutenção do deck Cumaru

Realmente o tipo de manutenção e a frequência com que você mantém seu deck Cumaru depende de coisas como: Cobertura, região da propriedade, proximidade com piscinas ou churrasqueira

Se o seu deck de Cumaru tiver exposição direta à luz solar por mais de quatro horas diárias, perto da água ou sob uma árvore que deixa cair muita folhagem, você vai desejar que seu deck seja reparado no mínimo duas vezes por ano.

Lavar com pressão

A bela cor avermelhada do Cumaru é um fator que o torna a escolha favorita de deck. Mas, ficar exposto ao sol vai branquear o deck, ou seja, ele fica com uma cor cinza.

As madeiras Ipês também assumem essa pátina prateada quando expostas ao sol. A cor prata é muito natural e bonita. Ela não altera a longevidade do deck Cumaru.

Se o visual prateado é o que você gosta não vai querer muita manutenção. Mas, a lavagem sob pressão consiste em válido.

Se você preferir que ele mantenha a cor original precisa lubrificar com regularidade. Novamente, deixar seu Cumaru sem óleo ou lubrificado não afeta a integridade estrutural das tábuas, naturalmente resistente a mofo, mofo e insetos. Sem contar que não lasca ou arranha facilmente.

Manutenção em dia

Instalar um deck Cumaru é uma forma perfeita de aumentar o valor do seu imóvel. Primeiro, quando você adiciona um deck, está aumentando o espaço de vida, uma cozinha ao ar livre, fogueira, mesas ou outros locais de lazer.

Ao selecionar Cumaru para o material do seu deck, você está selecionando um material de construção de luxo. Instalar um deck em sua casa é investimento sólido, tanto para o valor de revenda quanto para seu próprio prazer pessoal.

Então, vá em frente e aproveite o ar puro, o sol e todas as outras atividades ao ar livre em seu lindo deck Cumaru. É uma decisão inteligente que garante muito pouca ou nenhuma manutenção contra mofo, insetos ou fungos e intempéries climáticas.

Deck de madeira carbonizada e a resistência ao fogo

As tendências na arquitetura às vezes não giram nas novas ideias, mas também no passado como o uso do deck de madeira carbonizada.

Deck de madeira carbonizada é submetido ao Shou Sugi Ban para ser produzido. Essa é uma antiga técnica arquitetônica japonesa que foi usada para preservar o material, carbonizando a superfície com uma chama quente.

A técnica de madeira carbonizada é conhecida como Yakisugi, realizada na madeira Sugi, que é um cedro japonês. O processo envolvia carbonizar a madeira, resfriar, limpar qualquer fuligem ou detritos queimados na superfície até finalizar com óleo.

Embora você possa considerar o fogo um inimigo da madeira, causando apenas sua degradação, essa técnica aumenta a durabilidade, sendo o meio natural de preservar sem produtos químicos, tintas e outros tratamentos de superfície.

Sucesso no presente e passado

Como uma tendência atual na arquitetura moderna, você pode esperar que a madeira carbonizada seja vista em ambientes externos e internos, usadas até em móveis e decoração.

No entanto, a madeira carbonizada faz sucesso como revestimento externo ou acentos de parede interna. Apesar de ser um método muito antigo de tratamento é flexível o suficiente para ficar deslumbrante em ambientes modernos e rústicos.

Mais durabilidade

De modo histórico, o deck de madeira carbonizada foi muito usado no exterior de edifícios japoneses, em aplicações de design de interiores e exteriores, sendo uma ótima opção para manter casas ou prédios em incêndios.

Quando o fogo é aplicado em tábuas de madeira, o processo de queima cria uma fina camada de carbono na superfície da madeira.

Esta camada de carbono protege a madeira interior da mesma forma que os vernizes ou selantes. Envolve manutenção muito baixa. Resistente a insetos e danos causados ​​​​pela umidade.

Esses benefícios ficam ainda mais aparentes quando a carbonização é usada para aprimorar as tábuas de madeira modificada, mais densas, duráveis ​​e duradouras do que muitos outros tipos e espécies de madeira.

Processos sustentáveis

O processo de carbonização não contribui para a poluição prejudicial. Não há produtos químicos presentes nesse revestimento ao meio ambiente, seguro para casas com crianças.

É um meio sustentável de proteção natural do revestimento externo. Uma vez atingida sua vida útil, pode ser reciclada ou descartada sem a preocupação de prejudicar o meio ambiente, como se pode ter ao descartar madeira tratada.

Ir para um visual arrojado é fácil com preto ou outros tratamentos de superfície em tons escuros, como manchas e tintas.

Dependendo da rota que você seguir, ainda se pode ver alguns dos grãos da madeira subjacentes. No entanto, muitas vezes pintar ou tingir a madeira mascara a beleza do grão natural.

O movimento verde evolui no mundo da arquitetura e do design de edifícios, com cada vez mais pessoas procurando meios naturais e seguros de alcançar a mesma aparência.

A madeira carbonizada permite que você obtenha um belo acabamento escuro para o seu projeto, sem depender de produtos tóxicos que podem ser prejudiciais à saúde das pessoas e ao meio ambiente.

Que tipo de madeira usar para um deck?

Descubra que tipo de madeira usar para um deck instalado nas partes externas das propriedades. Não compre antes de ler isso.

É muito importante selecionar os materiais certos para cada parte da sua casa. Isso garante que são duráveis ​​o suficiente para muitas vidas.

Uma parte da sua casa que precisa de cuidado e atenção extras são os decks, principalmente quando estão ao ar livre. As condições externas podem ser implacáveis como chuva ou calor.

Por isso que usar os materiais certos é a parte mais importante de um produto para decks de luxo. Essa decisão pode poupar custosas taxas de manutenção e trocas no futuro Tenha em mente de que comprar itens baratos hoje pode ser muito caro no futuro.

De olho no tipo de madeira para um deck externo

Não se pode ignorar o fato de que um dos materiais mais clássicos vistos em decks ao ar livre é a madeira. Linda, de alta qualidade, confere um apelo incomparável à propriedade.

De acordo com madeireiras, as melhores madeiras para decks são Cumaru e Ipê. Não por um acaso elas custam preços altos, mas pela resistência ao longo prazo geram mais economia do que o uso das madeiras desqualificadas.

Madeira Cumaru para decks

Deck de madeira Cumaru é uma opção mais premium. Possui bela tonalidade castanha devido aos seus óleos e taninos naturais – compostos naturais cientificamente chamados de polifenóis.

Com o tempo, muda de cor, para uma tonalidade mais rústica. Cumaru é ideal para decks. Resistente a insetos e umidade. Muito estável, proporcionando integridade estrutural com baixa necessidade de manutenção. Facilmente pode durar 50 anos ou mais.

A manutenção do assoalho de madeira só requer uma lavagem com pressão anual e vedação. Está entre os tipos de madeira mais duras do mundo. Resistente e durável.

Madeira Ipê par decks

Decks Ipê têm madeiras tropicais luxuosas. Há qualidade superior. Muito denso, o que torna a escolha adequada para decks ao ar livre.

Mas, Ipês podem ser difíceis de localizar na forma de deck. Então, se encontrar um fornecedor de confiança é bom comprar o mais rápido possível.

Acontece que Ipê é a madeira de lei tropical. Deve ser adquiridas com responsabilidade e ética, o que reduz a oferta e por consequência faz subir os preços desse produto nobre por natureza.

Duração: 50 anos.

Quais as piores madeiras para usar em decks?

Cientificamente, no contexto do material madeira, o pior deck externo tem madeira tratada com pressão.

Madeira tratada com pressão tem um pouco de madeira macia, que passa por um tratamento de preservação química para aumentar a resistência. Não dura mais de 10 anos.

Tal material pode ser muito instável, dependendo da qualidade da madeira.

Com madeiras de grau inferior, você pode esperar algum encolhimento e empenamento com o tempo. A madeira tratada com pressão está associada à manutenção difícil e custosa.

Você precisa lavar esta madeira de forma consistente para que ela tenha uma aparência boa.